terça-feira, 12 de abril de 2011

NÃO TENHO FÉ PARA SER CALVINISTA / 01


 
Apesar de admirar a linha teológica calvinista por ter ela uma roupagem consistente das doutrinas Bíblica (mas não infalível), não consigo asilar-las, na interpretação que eles tem da soteriologia.
Os calvinistas afirmam categoricamente que parte da humanidade segundo a vontade de Deus foi predestinada à salvação sendo que a outra parte, a perdição eterna. Para tanto, eles evocam versículos bíblicos como esses:
E nos predestinou para filhos de adoção por Jesus Cristo, para si mesmo, segundo o beneplácito de sua vontade, Efésios 1:5
E aos que predestinou a estes também chamou; e aos que chamou a estes também justificou; e aos que justificou a estes também glorificou. Romanos 8:30
Porque os que dantes conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. Romanos 8:29
E ele disse: O Deus de nossos pais de antemão te designou para que conheças a sua vontade, e vejas aquele Justo e ouças a voz da sua boca. Atos 22:14
 Com isso os calvinistas afiançam que sendo essa a vontade de Deus, ela é soberana e indócil a vontade humana (ao livre-arbítrio humano).
Entretanto, a Bíblia também afirma que:
...é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. 1 Timóteo 2:4.
E nesses versículos abaixo dar-se a entender que a salvação não é só para um grupo peculiar, mas para todos.
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3:16
O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo. 1 Timóteo 2:6
E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo. 1 João 2:2

Como resolveremos esse paradoxo?

Na verdade não existem contradições na Bíblia, existem interpretações contradizentes a ela, e a meu ver, o “calvinismo” é uma delas.                       Por quê?
Porque não posso e nem consigo ter fé que crianças que ainda não tem noção do certo e errado (do pecado) se perderão por essa não ser predestinada segundo a vontade de Deus.

Porque não posso e nem consigo ter fé que Deus sendo a verdadeira expressão do amor incondicionado1 João 4:8 (Não sujeito a condições ou restrições) tenha enviado a Jesus somente para pessoas selecionadas por Ele para ser salvo e outras para serem condenadas. Na Bíblia está escrito  que Deus não tem prazer na morte do ímpio:
Porque não tenho prazer na morte do que morre, diz o Senhor DEUS; convertei-vos, pois, e vivei. Ezequiel 18:32
Desejaria eu, de qualquer maneira, a morte do ímpio? diz o Senhor DEUS; Não desejo antes que se converta dos seus caminhos, e viva? Ezequiel 18:23
Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos... Ezequiel 33:11

“Pensar como calvinista é pensar de maneira laqueada com respeito à salvação da humanidade.”
Admiro muito a teologia calvinista em muitos requisitos doutrinários, porém na explanação à salvação do homem discordo plenamente.

Jesus não chama pessoas selecionadas à salvação, mas todos aqueles que estejam precisando d’Ele.
Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Mateus 11:28.

Soli Deo Gloria.

Jean Patrik




Reações:

31 comentários:

  1. as vezes da uns erro nesses comentários...
    então mano, faz sentido o seu texto, porém eu acho que a Soberania de Deus, é algo que esta encoberto e não pertence a nós, eu sinceramente não sei, só temos q lembrar do amigos de Jó, que foram considerados loucos por Deus, por não falarem o que era reto dEle.

    Fica na Paz

    ResponderExcluir
  2. faça o seguinte explique os textos que vc discorda da interpretação dentro do seu ponto de vista, prove seu ponto de vista

    ResponderExcluir
  3. Caro Daniel,

    De fato você está certo, porém eu não disse que a soberania de Deus pertence a nós.


    Espere a parte dois do artito!

    Um grande abraço!

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  4. Ao anônimo,

    Espere os proximos artigos.

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  5. Porque não posso e nem consigo ter fé que crianças que ainda não tem noção do certo e errado (do pecado) se perderão por essa não ser predestinada segundo a vontade de Deus.

    aí que tá o lance manero do calvinimso. se não tiver eleição meu chapa, criança nenhuma é salava, ou vc acha que as crianças não nascem pecadoras, mas se tornam tais a partir do 1º pecado? ao romanismo hein? todos estão mortos em pecados e delitos, se vc não encarar este fato vc nunca glorificará a Deus pela eleição. suas crise são sentimentais, no fundo vc sabe que nenhum ser humano é capaz de inclinar-se por vontade própria diante de Cristo, tanto que vc prega como a maioria dos cristãos: eu lanço a semente, mas quem faz a obra é o Espírito. Pergunta: vc crê que o Espírito faz a obra, ou vc usa isto com preyexto porque não foi persuasivo o suficiente?

    ResponderExcluir
  6. Não adianta gente, quem conhece a bíblia sabe que ela da margem pra diversas interpretações, pra se crer no calvinismo, ou qualquer outro ismo, é necessário, minimizar alguns textos, exaltar outros, forçar a barra em uns, achar uma desculpa muito esfarrapada em outros e assim vai, até acharmos que descobrimos os insondáveis juízos, inescrutáveis caminhos, de Deus.
    De fato o Calvinismo é legal, tenho até uma queda por ele, porém não adianta, lendo a bíblia, não é bem isso que vejo,por isso prefiro viver na contradição, de ser calvinista quando faço o bem, e arminiano quando faço o mal, pois aceitar um ou negar outro, estarei negando algo bíblico.
    E outra independente de qual seja a opinião de cada um, isso não deve ter influencia na nossa maneira de agir com o próximo, muito menos em nossa comunhão com Deus, pois a ciência incha (ensoberbece), mas o AMOR edifica.
    Fiquem na Paz do Senhor!!!

    ResponderExcluir
  7. Olá Jean, paz e bem.
    De fato, o calvinismo, ao mesmo tempo que é muito interessante, é bastante complexo. Seria interessante, ao expor cada texto, apresentar o contexto e as diferenças entre as palavras "mundo" e "todos" para um maior compreensão.
    De fato, os primeiros três textos supracitadis, falam por si só.

    Deus o abençoe!

    ResponderExcluir
  8. Jean, I'd like to be connected with you in facebook if you have a profile.

    Troy

    ResponderExcluir
  9. Jean, irmão, cuidado que vc está en terreno perigoso.
    abraços
    de seu irmão em Cristo
    Luciano
    MCA

    ResponderExcluir
  10. 28 de julho de 2011 às 2:04

    Sê for mandar aseitar JESUS em outras igrejás, que piza ensima do quarto mandamento, e melhor deixalas aonde estão ou você ainda não percebeu isto, irmão Jean Patrik?

    ResponderExcluir
  11. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog...

    Jean, Concordo com o irmão Luciano e com o "Anônimo". Quando você diz que "não posso e nem consigo >>TER FÉ<< que crianças que ainda não tem noção do certo e errado (do pecado) se perderão por essa não ser predestinada segundo a vontade de Deus"

    Quer dizer então que a salvação é pela idade: Sou criança, logo, sou salvo? Cuidado, isso cheira a catolicismo romano (Limbus Infantus).
    Enquanto você não entender que o ser humano está morto espiritualmente, desde o nascimento, não compreenderá que a salvação é totalmente graciosa e sem nenhuma limitação condicional (seja faixa etária, racial ou racional). Como disse o apóstolo inspirado que, aliás, foi um texto omitido em sua postagem:

    "Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericordia, e terei compaixão de quem me aprouver ter compaixão. Assim, pois, isto não depende do que quer, nem do que corre, mas de Deus que usa de misericórdia. Portanto, tem misericórdia de quem quer, e a quem quer endurece." (Romanos 9.15-16, 18)

    Que Deus o abençoe e nos conduza sempre à uma compreensão sadia e reverente das suas Escrituras!

    escravosdecristo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Luiz Felipe,
    É por esse motivo que não consigo acreditar em um Deus assim! (Um Deus descrito pelos calvinistas).

    Não faz sentido amado, Deus mandar todas as crianças que morreram sem ter consciência de responsabilidade para o inferno. Delas é o Reino de Deus por causa da sua inocência (Lucas 18.16).

    Outra contradição que vejo no calvinismo: Deus ama a todos ou só os eleitos?
    Essa eu vou deixar vocês responder.

    É por esse e outros motivos que não consigo ter fé no calvinismo.

    "Fechando o assunto" tudo é questão de fé amado e não de especulações.

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  13. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog...

    1) "não consigo acreditar em um Deus assim! (Um Deus descrito pelos calvinistas)"

    Amado irmão, muito cuidado. Quando você faz esta afirmação, está declarando que o conhecimento do Deus Eterno deve se submeter ao conhecimento intelectual pífio e limitado do ser humano. Isso acaba levando à incredulidade do que o próprio Deus ensina em suas escrituras. Um exemplo pernicioso são os testemunhas de Jeová: Eles também não conseguem acreditar em um Deus triúno porque foge a razão da seita, embora TODA a Escritura ensine diferente. Devemos "conseguir" acreditar no que TODA a ESCRITURA ensina e nos submeter ao que foi inspirado por Deus, seja isso FORTE para a nossa intelectualidade ou não.

    2) "Não faz sentido amado"

    Faz sentido sim amado! Você rotulou uma doutrina bíblica como se ela tivesse sido inventada por um homem chamado Calvino. A ênfase deste irmão nunca foi CRIAR uma nova mentalidade ou doutrina, mas simplesmente redescobrir uma doutrina esquecida na igreja de sua época: A SOBERANIA TOTAL DE DEUS sobre o universo e suas criaturas. Ele não inventou, simplesmente, relembrou à igreja e sistematizou, biblicamente, o assunto.

    ResponderExcluir
  14. 3) "Deus mandar todas as crianças que morreram sem ter consciência de responsabilidade para o inferno"

    Que calvinista ensina este absurdo??? Por favor, cite fontes! E, cuidado com as fontes que pesquisa.

    4) "Delas é o Reino de Deus por causa da sua inocência" (Lucas 18.16)

    Amado irmão, ao que parece o seu maior problema em aceitar a Soberania de Deus está no fato de que você deve ter tido algum contato com um calvinista extremista ou alguma frustração (como o filho de algum parente próximo que morreu e o indagou sobre a salvação do mesmo). Penso que, ao interpretarmos as Escrituras, devemos tomar cuidado com nossas pressupostos teológicos, pois acabamos manuseando a Bíblia a nosso modo. O texto que você mencionou não disse que o Reino de Deus é das crianças por causa da sua inocência. Observe as partes destacadas:

    "Jesus, porém, >>CHAMANDO-AS PARA SI<<, disse: Deixai >>VIR A MIM<< as crianças, e não as impeçais, porque >>DAS TAIS<< [que vão até JESUS] é o reino de Deus" (Lc: 18.16)

    Jesus chamou as crianças até ELE! Ele não disse que TODAS serão salvas, mas apenas as crianças que vão até ELE! O texto é claro! Talvez você diga que isso é impossível a uma criança: Ser regenerada por Cristo no ventre materno. Mas a própria Escritura cita um exemplo de que isso é possível para Deus:

    "Naqueles dias levantou-se Maria, foi apressadamente à região montanhosa, a uma cidade de Judá, entrou em casa de Zacarias e saudou a Isabel. Ao ouvir Isabel a saudação de Maria, saltou a criancinha no seu ventre, e Isabel ficou cheia do Espírito Santo, e exclamou em alta voz: Bendita és tu entre as mulheres, e bendito é o fruto do teu ventre! E donde me provém isto, que venha visitar-me a mãe do meu Senhor? Pois logo que me soou aos ouvidos a voz da tua saudação, >>A CRIANCINHA SALTOU DE ALEGRIA<< dentro de mim." (Lc: 1.39-44)

    Se, de fato, TODAS as crianças fossem salvas, então é melhor fazermos como o Faraó: MATEMOS TODAS ELAS NA INFÂNCIA PARA QUE NÃO PERCAM A SALVAÇÃO!!! Depois, pedimos perdão à Deus... Simples, dá para salvar o mundo inteiro!

    ResponderExcluir
  15. Infelizmente, deu um problema no meu computador e as outras colocações que fiz não apareceram. Mas, quanto a questão do "Fechando o assunto", ele está apenas começando. Vou começar a refutar em breve suas colocações no meu blog. Espero que edifique nós dois!

    Que Deus nos conduz sempre a uma apreciação sadia e reverente de Suas Escrituras!

    ResponderExcluir
  16. Luiz Felipe,

    Meu caro, você não compreendeu as minhas perguntas?

    1° Segundo o calvinismo Deus manda todas as criancinhas sem responsabilidade dos seus atos para o inferno.
    a) essas crianças são aquelas com idades minimas que não consegue ainda dicernir do certo do errado e por algum motivo vem a óbito;

    b)extite também crianças no entendimento, pessoas que são doentes mentais e por quanta disso não sabe dicernir o certo do errado;

    c) e a aqueles que já nascem mortos.

    Todos eles que não sabem como chegar-se a Jesus, segundo o calvinismo já estão predestinadas ao inferno.

    2° Deus ama a todos ou só os eleitos?
    Bem, se Deus não ama a todos, o que ele sente pelo resto, ódio?
    Pois para uma ação deve haver uma reação, então se a ação de Deus não é amar os não eleitos, em sua reação ele acaba odiando os não eleitos?

    Estudando o calvinismo uma ves dentro dele parece simples e bem organizado, mas olhado de fora vemos lacunas irreparaveis.

    Veja esse site e pesquise e verá que o calvinismo não é tão simples assim.
    http://www.arminianismo.com/

    Querido Luiz, se observares eu fui feliz em meu titulo "Não tenho fé para ser calvinista" pois não quero com ele resolver um debate que dura séculos onde entendo que existe versiculos que favoreça as duas fontes de pensamentos (Calvinismo e Aminianismo), mas simplesmente colocar a minha opinião. portanto nesse assunto é questão de fé, para cada um, seja ele arminiano ou calvinista.

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  17. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog..

    As considerações serão feitas no blog. Depois eu posto para ajudar!

    Que Deus nos abençoe!

    ResponderExcluir
  18. E continuo afirmando: Que calvinista ensina este absurdo??? Por favor, cite fontes! E, cuidado com as fontes que pesquisa.

    ResponderExcluir
  19. I Cor 9:27
    I Cor 10:12
    Rom 8:35 a 39
    Heb 3:12 a 14
    Heb 10:35 a 38
    2 Ped 2:10


    Em Cristo, Deus anunciou o perdão para todos os povos. Os perdidos estarão realmente perdidos, não porque Deus deixou de lhe oferecer perdão, mas porque não aceitaram Seu oferecimento.

    Que paciência Deus tem! O Seu Espírito intercedeu com os antediluvianos durante 120 anos, até se fechar a porta da arca. Intercedeu com os cananeus durante 400 anos, e somente após ter-lhes dado, em vão, todas as oportunidades possíveis de arrependimento, é que decretou a destruição deles.

    Se tudo já está predestinado qual o motivo para esperar, qual o motivo para pregar, qual o motivo de buscarmos a Deus e pedirmos perdão todos os dias por cometermos pecados.

    A predestinação quer trazer segurança de forma errada ao ser humano. A segurança que nós temos é constantemente buscarmos a face de Deus e entregarmos nossas vidas em suas mãos. Isso deve ocorrer todos os dias, pois a salvação pode ser sim perdida se houver um pecado não confessado. Esse pecado nos separa de Deus.

    Assim opera o Espírito de Deus ainda hoje. Sabendo que somos tardos para atender à Sua voz, Ele intercede conosco não uma só vez e vai embora, mas momento após momento, hora após hora, dia após dia, mês após mês, ano após ano, até que nos rendamos definitivamente aos Seus gemidos inexprimíveis, ou O rejeitemos também em caráter definitivo. Mas, para cansar o Espírito de Deus é preciso muito esforço, muita dureza de coração.

    O orgulho leva a pessoa à destruição, e a vaidade faz cair na desgraça. Provérbios 16:18, NTLH

    A predestinação é sim do diabo e muitos cristão que acreditam nessa mentira perderam a salvação.

    ResponderExcluir
  20. http://mcapologetico.blogspot.com/2011/08/nao-sou-incredulo-suficiente-para-ser.html

    Só para conversar...
    abraços.

    ResponderExcluir
  21. Irmão, como isso é briga de 'irmãos', eu não responderei nada, só estou passando aqui para dar0lhe essa satisfação.
    Não acredito que irei contribuir para glória de Deus se engajar num debate que dura há séculos... acredito que contirbuirei mais pela verdade se continuar enfocando os erros das seitas.
    Sobre o que disse sobre as crianças e a expiação ilimitada, conheço as teses.
    Um forte abraço, e fique a vontade de me refutar lá no blog.
    Não me incomodo com quem é filho do mesmo Pai, ainda que com algumas diferenças marcantes...
    abraços.

    ResponderExcluir
  22. Isaias 45:20 a 24

    O que Deus pede ????

    ResponderExcluir
  23. Nem todos os caminhos nos levam a Deus.

    Mateus 7:13 e 14. Então, nem todos são filhos de Deus como julgam.

    Luciano você está errado nem todos aqui são irmãos !!!

    Ser filho de Deus é fazer a Sua vontade e não a nossa.

    ResponderExcluir
  24. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog...

    Irmão, comecei a postar minhas objeções à sua posição (e não ao arminianismo). Que Deus nos abençoe e nos conduz à sua verdade revelada nas Escrituras!

    ResponderExcluir
  25. Tá ai o link... http://escravosdecristo.blogspot.com/2011/08/x.html

    ResponderExcluir
  26. Graça e paz do SENHOR irmão Patrik...

    Também não estou nem um pouco interessado em iniciar um debate com o irmão sobre arminianismo e calvinismo. Até porque não existe discussão considerando o todo das Escrituras. Mas, a minha preocupação é com as colocações que foram feitas pelo irmão, que deram a entender que, de fato, não existe mais uma interpretação sólida e sóbria das Escrituras, mas cada um interpreta da forma que achar mais certo e tudo está bem! Sem problemas, e a VERDADE DE DEUS, descartada... Tenho visto que, hoje em dia, os cristãos, em sua grande maioria, tem tratado as Escrituras sob uma ótica relativista, isso geralmente acontece para evitar conflitos. Infelizmente, não posso aceitar esse tipo de posição considerando que TODA A ESCRITURA É INSPIRADA POR DEUS... E ÚTIL! (2a Tm: 3.16).

    Meu irmão, fique à vontade para comentar as postagens que farei lá.

    Quanto a considerar o arminianismo uma heresia, só estou utilizando a definição que um irmão apologista deu sobre o assunto:

    http://belmonteapologetica.blogspot.com/2011/01/heresias-no-meio-evangelico_17.html

    Não considero o irmão um herege, mas também não posso considerar o arminianismo (e o calvinismo também em algumas doutrinas) como verdade de Deus, se desmerece alguns textos bíblicos.

    Sobre o site, já conhecia. E, se quiser ver uma análise bem feita sobre algumas colocações contraditórias de Armínio, acesse:

    http://www.olharreformado.com/2011/05/jacob-arminius-e-livre-arbitiro.html

    Que o Senhor nos abençoe!

    ResponderExcluir
  27. Entendo o seu zelo.

    Eu só acho que o irmão esteja cometendo alguns equívocos sobre o meu comentário e sobre o arminianismo, ou melhor, sobre o Armínio.

    Sobre o blog que você citou, infelizmente você se equivocou de novo, pois o editor do blog "http://belmonteapologetica.blogspot.com/" é meu professor e diretor acadêmico do seminário aonde estudo, e se o irmão não sabe, ele ministrou essa aula para sala, contudo ele não disse que o arminianismo era uma heresia, mesmo sendo ele um calvinista pentecostal.

    Sobre a contradição de Armínio não é diferente de Calvino que ensinou a expiação ilimitada enquanto o calvinismo ensina a expiação limitada. Ou seja, Calvino era um calvinista de quatro pontos e não de cinco.
    Veja: ==> http://www.arminianismo.com/forum/viewtopic.php?f=2&t=763

    Isto mostra que a teologia de ambos não era infalíveis, com isso afirmo que a bíblia é infalível, inerrante e divinamente inspirada, porem, as interpretações que os homens fazem da mesma é muitas das vezes mal interpretada, falível e errante.


    Um grande abraço amado!

    Jean Patrik

    ResponderExcluir
  28. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog...

    Olá irmão, é bom saber que todos temos interesse pela verdade. Só para esclarecer:

    1) "Sobre o blog que você citou, infelizmente você se equivocou de novo"

    Não, não me equivoquei irmão. É verdade que não sabia que o tal blog era de um professor seu, mas quando comentei (aliás, cadê meu comentário?) disse que me utilizei da DEFINIÇÃO que ele deu para heresia. Eu não DISSE que ele considerava um arminianismo uma heresia, mas simplesmente, que a definição dada por ele para heresia me pareceu muito correta:

    "Não podemos também confundir heresia com erro de interpretação bíblica. Ou seja, uma heresia é todo o argumento que tem poder para ferir os Fundamentos da Palavra, a ortodoxia cristã" (http://belmonteapologetica.blogspot.com/2011/01/heresias-no-meio-evangelico_17.html)

    Ou seja, EU considero o arminianismo uma heresia justamente porque fere "os fundamentos da Palavra". Por exemplo: A interpretação arminiana do Livre-Arbítrio (ainda que muitos arminianos vão dizer que não) FERE DIRETAMENTE doutrinas fundamentais como a SOBERANIA DE DEUS, ONISCIÊNCIA DE DEUS e ONIPOTÊNCIA DE DEUS. São doutrinas fundamentais que as seitas gostam de atacar(http://bereianos.blogspot.com/2011/04/apologetica-reformada-as-seitas-e-o.html.

    2)"Sobre a contradição de Armínio não é diferente de Calvino"

    Novamente tenho que dizer: minhas objeções são contra sua posição na postagem e não ao arminianismo. A "guerra" entre essas linhas teológicas perdura por séculos, e não estou proposto a debater sobre isso com o irmão, Entretanto, não posso deixar que uma interpretação defasada, como a que o irmão fez sobre a Doutrina Bíblica da predestinação, fique sem resposta. É, como muito bem o irmão lembrou, um "zelo" pela verdade.

    Que o SENHOR Deus nos abençoe e nos conduza sempre à uma compreensão sadia e reverente das suas Escrituras!

    escravosdecristo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  29. Graça e paz do SENHOR aos irmãos do blog...

    Irmão Patrik, a resposta a sua pergunta é dada nas próprias Escrituras:

    "Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia, e terei compaixão de quem me aprouver ter compaixão. Assim, pois, isto >>NÃO DEPENDE DE QUEM QUER,<< nem do que corre, mas de Deus que usa de misericórdia. [...] Portanto, tem misericórdia de quem quer, e a quem quer endurece" (Romanos 9.15-16, 18)

    Deus manifesta a sua misericórdia salvadora para quem Ele quiser. E, como o texto acabou de mostrar, "não depende de quem quer", ou seja, LIVRE da vontade humana, mas depende de Deus em mostrar sua misericórdia. Ou seja, a manifestação do amor divino nem sempre se dá soteriologicamente, mas, graciosamente nas obras da criação e da providência (Mt: 5.43-44 / At: 14.17). Mesmo manifestando seu amor desta forma, ele não vai salvar todos os pecadores.

    Eu amo você em Cristo, irmão Patrik, e por isso sinto-me na obrigação de lhe mostrar os erros Bíblicos de sua posição. Sei que, indubitavelmente, vamos tratar de assuntos relacionados às duas posições. Entretanto, não é ESSE O PONTO CHAVE das minhas postagens. Não quero traçar paralelos entre as duas posições teológicas. Quero apenas interpretar os textos utilizados pelo irmão NESTA postagem para defender o arminianismo e mostrar que a interpretação do irmão foi equivocada. É SÓ ISSO. Por favor, aguarde as demais postagens e entenderá o que pretendo dizer.

    Que o Espírito Santo sempre nos conduza à sua verdade revelada nas Escrituras Sagradas.

    ResponderExcluir

Esse Blog apóia Samuel Câmara

Esse Blog apóia Samuel Câmara
CGADB PARA TODOS